03/05/2013

25º dia (03/05/13) - Villa Franca del Bierzo X Cebreiro

Dia 25 - Villafranca Del Bierzo X Cebreiro




La puerta del Perdon
A caminhada solitária até Villafranca,  foi muito boa...  paisagens diferentes momentos diferentes,  caminhar próximo a amigos é confortante,  más sozinho por vezes é enriquecedor.  Ao entrar na cidade outro ícone do Caminho... "La puerta del Perdon", onde os peregrinos que não conseguiam chegar a Santiago, alí recebiam as indulgências... A paisagem que nos acompanha até aqui voltam a ser de constantes vinhedos e pequenas propriedades rurais, e a chegada em Villafranca tarda a acontecer...  tinha em mente ficar no Refúgio Ave Fênix (Refugio-Ave-Fenix), por ser mais um "mito" do Caminho e  assim o fiz tive que apertar o passo para ultrapassar alguns peregrinos que adentravam a cidade para que conseguisse um lugar, meus amigos já aqui estavam e assim nos reencontramos. Posso deixar a minha opinião pessoal quanto a este Albergue, não gostei...  hoje não ficaria pela lotação,limpeza e sensação de insegurança que por lá tive... deveria ter escolhido ir mais adiante e ter ficado em PEREJE (albergue-de-pereje), como os Italianos...  esse albergue fica às margens de um rio, logo após Villafranca numa região belíssima... (fica essa dica).

Saindo do Albergue, e "descendo" rumo ao centro da cidade


Ramón, sobre o monumento em homenagem
 ao seu Pai (Poerta e Escritor)
O interessante nessa cidade,  é que ela fica ao fundo de um vale,  quando se pensa que não existe mais ruas,  elas aparecem do nada,  tornando uma experiência diferente (ter que descer pra conhecer).  Aqui tb foi o local de nascimento de um escritor e poeta (Pai de nosso amigo de caminhada Ramon), e  graciosamente me convidou a mostrar tudo na cidade que lhe traz boas lembranças, foi muito bom poder ter ouvido dele por algunas horas suas histórias de menino na praça da cidade, por fim resolvi parar para um MENU já estava frio e eram quase 9:00 da noite... ao saborear uma bela refeição (muito boa mesmo),a surpresa foi ter percebido que meu amigo RAMON, a deixara PAGA em retribuição a nossa amizade.

Jardim em Villafranca del Bierzo
Passeio diferente,  bom lugar para se estar,  e conhecer mas o desafio do dia seguinte era grande... a subida ao Cebreiro tão falada e tão esperada... a entrada na Galícia, para assim iniciarmos a ultima etapa do Caminho. O Cebreiro se trata de um antigo povoado com raízes Celtas onde tudo é cercado de história e misticismo, mais uma etapa que sem dúvida iria marcar esse Caminho...  Planejei que alí pernoitaria para poder aproveitar ao máximo a energia do local e assim seria. 


Perfil da Etapa
Ao discutirmos, a subida poderia ocorrar por 3 opções distintas (no Caminho de hoje é comum que opções surjam, baseadas em livros e guias), sei que uma das opções a mais radical de todas era muito extensa e acidentada, logo preferi subir próximo a estrada mesmo... e assim a fiz novamente através do caminho tradicional... e
 passamos por rodovias,  estradas de terra e povoados a beira de rios,  com paisagens paradisíacas,  inspiradoras sem dúvida.  Entre vários exemplos,  tem-se o de não caminhar olhando-se apenas para o chão,  pois perderá a beleza a sua volta,
 

 ao mesmo passo em que aprendi a não apenas Caminhar olhando-se para frente, más mais uma vez o universo me ensinou que demos que equilibrar a forma como fazemos a trajetória de nossa vida,  se se iludir com a paisagem e deixar de ver onde pisa, vc pode se machucar ou pisar em algo ou alguém que não deseje...  se se fixar apenas no objetivo final, certamente irá perder as maravilhas que a jornada te oferece (é  preciso o equilíbrio e sabedoria para entender esse momento).



Povoados de uam das mais belas regiões
Córregos que nos fazem compania
Bem a subida foi dura...  mas com paisagens únicas,  as fotos falam por sí só...  a chegada ao Cebreiro é mais que um prêmio após uma subida tão radical... é a imagem de algo grande que  somos capazes de empreender por nós mesmos. O Cebreiro é uma vila realmente muito interessante,  alguns restaurantes e lojas,  sem dúvida um lugar para se passar o dia... visitei a loja Grialia Cebreiro,  que sempre manda fotos de seus visitantes pelo FACEBOOK,  lá fui muito bem atendido por uma moça, que ao saber que era brasileiro pronunciou o nome de vários peregrinos brasileiros que ali passam (me perdoem, mas esqueci o nome da pessoa), mas muito atenciosa.


Em minha opinião,as mais belas imagens que presenciei... 
foram feitas na subida ao Cebreiro
depois de tudo percorrido, senti saudade de Vega de Valcarce


Até de fato entrarmos na Galícia
Cebreiro
Povoado que tem origem Celta
Bem ponto alto claro,  o pôr-do-sol...  diferente e imperdível...

Onde uma Imagem...
Vale mais que MIL palavras...