15/04/2013

7º dia ( 15/04/13 ) - Torres Del Rio X Logrono

Resumo da Etapa



Ultima foto em Villamayor pela manhã
Saímos de Villamayor, por volta de umas 7:00h... Vento, frio... pelas manhã ainda temos claras demonstrações do "inverno", isso porque a temperatura vem melhorando e nos dando dias incríveis.
O caminho até Torres del Rio é muito belo, planícies longas e visual de nos fazer parar com frequência, chegamos em Torres Del Rio por volta das 15:30h sem muitas opções de parada durante o dia, optamos por pausas para lanches comunitários (os melhores em minha opinião), a chegada foi tranquila e sem aquela sensação de "procura" por albergue... entramos na vila, passamos em frente a primeira opção e optamos pela segunda Albergue La Pata de Oca (
albergue-la-pata-de-oca), para os dependentes, WIFI disponível (rs), más a essa altura todos nós nos tornamos, seja para enviar informações (como eu), ou pra verificar com anda o "MUNDO" do qual nos ausentamos.



Albergue La Pata de Oca
Com tempo para procuramos o albergue a grande maioria dos peregrinos haviam ficado em Los Arcos, e isso daria uma certa vantagem... essa é uma das uma vantagens em se caminhar um pouco mais... pode-se escolher opções diferentes ou pouco cogitadas (aqui não seria bem o caso). O albergue possui boas as instalações,  para mais de vinte em um mesmo ambiente, más  arejado, piscina e um bar para nos fazer gastar (rs), pois é um local muito bom pra reunir forças... não recomendo o restaurante, não deu pra encarar pelas opções disponíveis e a saída foi procurar outro restaurante (apenas), encontramos um muito bom, LOTADO de peregrinos, e nos deu um atendimento ímpar... tivemos um bom preço e uma deliciosa macarronada.
Nesse dia tivemos a companhia pela primeira vez de Daniel... (Irlandês,Italiano, Americano, Venezuelano enfim... ele consegue ser tudo isso), uma pessoa muito boa e de bom papo. Com a chegada em Torres Del Rio, notei que mais pessoas caminham próximas,  e qualquer um que para a beira da estrada logo é questionado se precisa de algo, sem dúvida o espírito peregrino existe e não tem nacionalidade. 


Ermita Santo Sepulcro
Bem,  após mais de uma semana fora de casa, a saudade bate a preocupação também com todos também... não consigo acreditar em quem "diz" se desconectar... pouco provável estar 100% ,  o pensamento com frequência nos leva aos nossos familiares que amamos... e a cada dia caminhado, percebemos que o Caminho da Santiago é uma rota de peregrinação, um caminho de penitência para alguns, oque resta ao final de um dia é a lembrança de um dia diferente certamente de todos que tivemos até então (hoje tivemos Sol), muitas fotos e recordações de um dia que será único... ainda estou dentro dos 10 primeiros dias... e sinto dores em meu corpo todo,  das mais diversas e algumas com a sensação de serem inéditas.









Bem,  a questão é pq tanta gente persiste,  em trilhar ? Pq ano após ano,  o número de peregrinos cresce?  Qual a magia ou o segredo escondido atrás dessa rota milenar? Enfim,  acredito que com o passar dos dias, parte dessas respostas poderei contribuir...
BUEN CAMINO...


Markus, se esforçando na subida
Topografia da região



Caminha-se...
Abastece-se... 
Registra-se...